Santa Entrega: 3212.8000
Imunização: Quais as vacinas não podem faltar para os idosos?

Imunização: Quais as vacinas não podem faltar para os idosos?

As vacinas são importantes para a manutenção da saúde. Elas fortalecem a imunidade para combater doenças e infecções. A partir do momento do nascimento já existe um calendário de imunização para cumprir.

O ideal é que toda a população seja imunizada ao longo da vida. No entanto, existem os grupos prioritários, que são privilegiados com a vacinação gratuita, por terem o risco de sofrer complicações graves pelo contágio da doença. E também pelo risco de transmitir o vírus para várias pessoas.  

Os grupos de risco são: profissionais de saúde, gestantes e puérperas, crianças até 6 anos, indígenas, doentes crônicos e profissionais que trabalham o público em geral.

Pessoas com idade igual ou superior a 60 anos merecem atenção especial. A vacinação para os idosos é sinônimo de melhoria na saúde e aumento da expectativa de vida.

Confira agora as vacinas que não podem faltar para os idosos

Pneumocócica

Responsável por prevenir a pneumonia e meningite e infecções respiratórias. Também age contra a bacteremia, uma infecção generalizada do organismo. A letalidade dessas doenças nos idosos pode chegar a 80%. Quando não são fatais, podem deixar sequelas neurológicas.

Herpes-zóster

Essa vacina leva o mesmo nome da doença, Herpes Zóster, que é causada pela ativação do vírus da varicela. Este vírus pode permanecer silencioso no corpo por anos. Ele se manifesta comumente na população idosa e em pessoas com imunidade enfraquecida.

Tríplice Bacteriana

Protege contra o Tétano, Difteria e Coqueluche. Estas doenças podem ou não apresentar seus sintomas, mas as pessoas podem estar infectadas e não tomar conhecimento. A importância da vacinação está em proteger os mais novos, principalmente os menores de seis meses de idade.

Febre Amarela

Altamente indicada para quem está em áreas onde ocorre a doença e motivos de viagem. Essa vacina deve ser administrada com cautela nas pessoas com mais de 60 anos de idade. Apenas um médico pode avaliar o risco/benefício do idoso receber a imunização devido aos efeitos colaterais que podem ser apresentados.

Influenza

A vacina é a melhor alternativa para prevenir complicações nos idosos. O contágio pelo vírus causa infecções consideradas simples, porém trazem complicações e agravam os quadros de gripe nas pessoas idosas.


Veja também: 7 passos simples para fortalecer sistema imunológico dos idosos


Mantenha sua caderneta atualizada

Imunização: Quais as vacinas não podem faltar para os idosos?

Participar das campanhas de vacinação é uma responsabilidade com a família e com a sociedade. Dar a atenção devida aos grupos de risco, sobretudo a terceira idade, é um compromisso que não deve ser menosprezado.

Todas as vacinas são importantes para o aumento da qualidade de vida da população idosa. No entanto, a Pneumocócica, Herpes-zóster, Tríplice Bacteriana, Febre Amarela e Influenza são essenciais para aumentar a qualidade e expectativa de vida na terceira idade.

Você viu no post quais as vacinas que não podem faltar na carteirinha dos idosos. Que tal agora saber como a imunidade baixa prejudica a saúde dos idosos?

Post a Comment

© Copyright 2018 | Todos os direitos reservados | Vanguarda Comunicação