Santa Entrega: 3212.8000
Como o mau uso de antibióticos prejudica ainda mais a saúde?

Como o mau uso de antibióticos prejudica ainda mais a saúde?

Os antibióticos são remédios especificamente usados para combater bactérias. Existem diversos tipos destes remédios, cada um serve para tratar de tipos diferentes de bactérias em um organismo.

Esse medicamento não é capaz de eliminar vírus ou fungos. A função dele é  exclusivamente para agir contra as bactérias.

Como os Antibióticos funcionam?

A maioria das bactérias são inofensivas para o ser humano, inclusive milhões delas vivem no organismo humano sendo controladas pelo sistema imunológico. Entretanto, algumas bactérias invadem um corpo para se reproduzirem usando os recursos do hospedeiro.

Esses recursos fazem com que as bactérias dobrem a quantidade de reprodução  em cada ciclo, que pode demorar apenas algumas horas. Quando atingem certo número, essas bactérias começam a danificar o corpo. E então o sistema imunológico é ativado e entra em combate com as bactérias para eliminar a infecção.

Nem sempre o corpo é capaz de vencer as bactérias e aí é que entra o antibiótico, que servem para ajudar o corpo a combater o inimigo. Nem toda bactéria é sensível aos medicamentos .

Alguns antibióticos agem matando as bactérias, mas alguns apenas impedem que elas se reproduzam, evitando que elas se reproduzam e dominem o corpo. Então os anticorpos atuam eliminando as bactérias sobreviventes e as que não conseguem mais se reproduzir.

Como os antibióticos podem prejudicar a saúde?

Ao invés de ajudar o sistema imunológico a combater doenças, o uso equivocado dos antibióticos podem contribuir para que as bactérias fiquem mais fortes no organismo e até piorando as infecções.

As bactérias são seres vivos e podem muito bem se adaptar aos mais diversos tipos de ambientes. Os antibióticos deixam o organismo desfavorável para as bactérias, mas não são capazes de eliminar todas elas.

Normalmente o sistema imunológico Consegue eliminar as bactérias que ainda ficaram no organismo. Mas quando uma bactéria resistente escapa ela pode se reproduzir, multiplicando novas bactérias resistentes.

Dessa forma pode surgir uma nova infecção e dessa vez ela será imune ao antibiótico, pois estas descenderam da bactéria resistente. Além disso, algumas bactérias são capazes de transferir sua resistência para outras bactérias vivas e outras podem coletar o DNA de bactérias mortas e absorver a imunidade.

Esse episódio pode acontecer inclusive em bactérias de diferentes espécies, criando uma superbactéria resistente a diversos antibióticos.


Leia mais:

– Gripe ou resfriado? Entenda a diferença e saiba como se prevenir

– 7 passos simples para fortalecer sistema imunológico dos idosos


As superbactérias

As superbactérias são criadas por mutações naturais ou, o que é mais comum, o mau uso de antibióticos. O uso incorreto do antibiótico ocorre quando é usado por um período inadequado ou quando um medicamento que não é o recomendado para o tipo de bactéria que está causando a infecção.

Quando os antibióticos são usados de forma errada eles geram uma seleção entre as bactérias fazendo as mais fracas morrem e as resistentes permanecem. As resistentes geram outras bactérias multirresistentes. Esse processo é chamado de microbiana.

Essas bactérias multirresistentes fazem com que a infecção volte possivelmente mais grave e que o antibiótico não faça mais efeito. As principais causas da resistência microbiana são:

  • Uso indevido de antibiótico, sem necessidade ou por um período diferente do recomendado;
  • Falhas no controle de infecções em hospitais e clínicas;
  • Falta de higiene, por exemplo lavagem das mãos após o uso do banheiro e antes das refeições;
  • Ausência de novos tratamentos pela indústria farmacêutica;
  • Excesso de antibiótico em carnes destinadas à alimentação humana;

Antibiótico? Só com indicação médica!

Como o mau uso de antibióticos prejudica ainda mais a saúde?

Sem a devida orientação clínica as pessoas podem confundir infecções virais com a bacteriana, o que pode ocasionar o uso errado de antibióticos. Por isso, a receita de antibióticos é em duas vias e obrigatória para a compra desse tipo de medicamento desde 2010, no Brasil.

A intenção é fazer com que o paciente só utilize antibióticos após uma avaliação profissional que vai definir o tipo, a dosagem e a duração necessária.

Viu como é importante para a sua saúde consultar um médico se seguir corretamente as suas recomendações? Nós temos mais conteúdos que podem te interessar! Que tal saber Como identificar um medicamento falso?

Post a Comment

© Copyright 2018 | Todos os direitos reservados | Vanguarda Comunicação