5 primeiros sinais mais comuns do câncer de pulmão

5 primeiros sinais mais comuns do câncer de pulmão

Quem é fumante muitas vezes acaba não ligando para avisos de prevenção ou até mesmo sintomas que indicam um grave problema. Na verdade, quem é usuário da nicotina, ignora até mesmo o fato de que essa substância pode por em risco a sua própria vida. Por isso, queremos alertar você a descobrir os principais sintomas que indicam o surgimento do câncer de pulmão.

Você sabe o que é o câncer de pulmão?

Esse é um dos tumores mais comuns da atualidade. Ele é agressivo e tem a maior taxa de mortalidade do Brasil. O câncer de pulmão pode surgir em homens e mulheres entre 60 a 70 anos. O Tabagismo é a principal causa do surgimento dessa doença. Estima-se que pelo menos 90% dos casos estejam relacionados ao uso dessa substância.

O câncer de pulmão surge a partir do crescimento desordenado das células, o que provoca o aparecimento do tumor. Lembrando, que ele pode se espalhar para outras partes do corpo, causando dores agudas.

Pessoas que tem histórico familiar dessa doença, principalmente com parentes de primeiro grau, apresentam um risco levemente alto para o desenvolvimento dessa patologia. Exposição à  poluição, infecções pulmonares constantes, deficiência e excesso de vitamina A, doença pulmonar obstrutiva crônica, também são alguns fatores que atribuem para o surgimento do problema.

Se você é fumante, está na hora de prestar atenção na sua saúde! 

O cigarro é um vício e como todo o tipo de vício, traz problemas fatais para a nossa saúde. Quem é fumante muitas vezes prefere ignorar qualquer tipo de mal-estar ou sinal que possa indicar alguma doença, mas isso é um erro gravíssimo!

Se você é fumante ou não, no momento em que sentir alguma dor ou incômodo, deve-se procurar imediatamente um médico especializado para tratar do problema. Mas o que ocorre constantemente, agravando ainda mais a doença, é o atraso pela busca dos cuidados certos.

Os 5 primeiros sinais do câncer de pulmão

1. Tosse constante

A tosse é um problema normal da gripe ou resfriado, e o mais comum é que ela desapareça com uma ou duas semanas. Mas para quem é fumante, esse problema costuma acontecer com mais frequência, devido ao uso diário do cigarro.

Só iremos considerar a tosse como um sinal para o câncer de pulmão, quando ela começar a se tornar mais crônica. Então, consulte imediatamente o médico caso:

– Estiver tossindo frequentemente;
– Apresentar rouquidão;
– A tosse vier acompanhada de sangue;
– Notar que a tosse contém mais muco que o normal.

Leia também:
– As 5 doenças mais perigosas causadas pelo cigarro
– 7 orientações importantes para deixar de fumar
– Tabagismo passivo: o que é e como afeta a sua saúde?

2. Fadiga

Se você estiver sentindo constantemente uma sensação de fadiga ou cansaço, fique atento. Esse é um dos sintomas mais frequentes que indicam o surgimento do câncer, em especial o câncer de pulmão. Isso ocorre porque as vias respiratórias se estreitam. O motivo está relacionado ao aumento de células cancerosas, ou porque uma grande quantidade de líquido fica presa ao peito.

3. Dor nos ossos e peito

Dores no peito, ombros ou na zona lombar sem razão alguma, pode ser um alerta do seu corpo que está se debilitando com o tumor. É provável que o câncer de pulmão possa ter se espalhado para os ossos, gerando dor nos locais afetados. Por isso, é de grande importância que você preste atenção a estes sinais persistentes, e consulte um médico imediatamente.

4. Infecções respiratórias 

Respiramos diariamente um ar bastante poluído, essa já é uma das principais causas das pessoas sofrerem com as infecções respiratórias. Mas, sofrer constantemente com problemas como bronquite ou pneumonia, não pode ser considerado algo normal.

Atente-se a isso, pois pode ser mais um sinal do surgimento do câncer de pulmão, então é viável que você procure um profissional para verificar o que está havendo.

Um homem fumante está que propenso ao câncer de pulmão.

5. Perda inexplicável de peso

Perder peso é um dos fatores mais comuns em todos os tipos de cânceres, e geralmente vem acompanhado de outros sintomas como a perda de apetite, fadiga e debilidade.

No início, a pessoa pode até ficar animada com alguns números a menos, mas caso isso se torne exagerado, você tem que pesquisar o que está havendo de errado com você e procurar ajuda médica.

Você é livre para fumar ou parar

A maioria dos cânceres de pulmão estão ligados ao tabagismo. Logo, a maior parte dos casos resultam do uso dessa substância. Independente dos cuidados que você pode ter com a sua saúde, caso continue fumando, não vai adiantar muito a sua prevenção.

Lembrando que, sua saúde depende da sua força de vontade de largar o que te faz mal, e o que pode acabar causando malefícios terríveis na sua vida.

Tabagismo: um perigo que mata, um hábito que dá para vencer

Para que você entenda melhor as principais consequências do tabagismo nós criamos um e-Book exclusivo. Nele, você vai conferir:

– Os principais males causados pela dependência.
– Teste para medir o grau de dependência do tabagismo.
– Tratamentos disponíveis e dicas para uma vida mais saudável.

O acesso ao conteúdo é gratuito. Basta clicar na imagem abaixo para começar a ler.

Deixe uma resposta