Menopausa: sintomas mais comuns e como diagnosticar

Menopausa: sintomas mais comuns e como diagnosticar

A menopausa é um período natural que vem logo após a última menstruação espontânea de uma mulher. Nessa fase, são encerrados dois ciclos simultaneamente: o menstrual e o ovulatório. Os sintomas da menopausa causam diversas alterações no organismo da mulher.

Só é considerada menopausa quando a mulher fica mais de 1 ano sem menstruar. Por outro lado, alguns fluxos irregulares podem ocorrer.

A menopausa não tem como ser prevenida ou impedida, afinal ela é um processo natural e normalmente acontece entre os 40 e os 50 anos de idade. Logo, não existe uma maneira exata de prever quando os sintomas da menopausa irão aparecer, pois eles se diferenciam de mulher para mulher.

No entanto, alguns anos antes é possível sentir os sinais característicos dessa fase, como as intensas ondas de calor que podem persistir por anos.

O que é menopausa precoce?

menopausa-sintomas
Com os exames certos e acompanhamento, é possível viver com mais tranquilidade, sem os sintomas da menopausa.

A menopausa é natural em determinado período da vida das mulheres, mas quando ela se dá antes dos 40 anos de idade é chamada de menopausa precoce.

Os sintomas da menopausa precoce ocorrem devido a algum fator que impeça os ovários de funcionarem corretamente. Eles são os mesmos de uma menopausa comum e acontecem, principalmente, por causa do histórico familiar positivo.

A menopausa precoce surge quando a mulher já nasce com uma reserva menor que a esperada de folículos ovarianos. Além disso, ela também ocorre quando esses folículos ovarianos são consumidos muito mais rápido que o normal ao longo da vida.

Muitas vezes, as causas não são muito bem definidas, mas podem ser explicadas por anormalidades genéticas, exposição a toxinas ou doenças autoimunes.

Confira alguns dados sobre a menopausa precoce:

  • 0,1% das mulheres sofrem de menopausa precoce antes dos 30 anos;
  • 0,25% das mulheres têm menopausa precoce antes dos 35 anos;
  • 1% das mulheres entram em menopausa precoce antes dos 40 anos.

Os estágios da menopausa

A menopausa ocorre apenas após a última menstruação da mulher, mas muitas pessoas acabam chamando de menopausa os períodos que antecedem e precedem esse evento. Para que não haja mais dúvidas, confira abaixo o que é e o que caracteriza cada um dos estágios:

Pré-menopausa

A pré-menopausa é o período que conduz ao último período antes da menopausa acontecer. Ou seja, ela acontece quando os níveis dos hormônios sexuais da mulher (estrogênio e progesterona) começam a ficar instáveis e um pouco antes dos fluxos menstruais se tornarem irregulares de verdade.

Perimenopausa

Perimenopausa é o período “em torno da menopausa”. Portanto, ela é o período que vai de alguns anos antes do fenômeno até alguns anos depois. Segundo a Sociedade Norte-Americana de Menopausa, essa transição pode levar de quatro a oito anos.

Essa mudança da perimenopausa para a menopausa acontece, geralmente, entre os 45 e 55 anos de idade, podendo ter uma pequena variação, conforme o organismo da mulher. Normalmente, a menopausa de uma mulher acontece mais ou menos na mesma época em que aconteceu a de sua mãe.

Pós-menopausa (climatério)

Esse tempo de transição que antecede a menopausa é chamado de climatério. Ele representa a passagem da fase reprodutiva da mulher para a não reprodutiva. O organismo deixa de produzir, de forma lenta e gradativa, os hormônios Estrogênio e Progesterona.

Infográfico 7 passos para abandonar o sedentarismo

Sintomas da menopausa

Além da irregularidade dos ciclos menstruais, alguns outros sintomas podem aparecer num período de um ano antes da menopausa se efetivar. Veja:

  1. Ausência da menstruação;
  2. Ressecamento vaginal (secura);
  3. Ondas de calor;
  4. Suores noturnos;
  5. Insônia;
  6. Diminuição no desejo sexual;
  7. Diminuição da atenção e memória;
  8. Perda de massa óssea (osteoporose);
  9. Aumento do risco cardiovascular;
  10. Alterações na distribuição da gordura corporal;
  11. Depressão.

Como diagnosticar a menopausa? 

A melhor forma de identificar os sintomas da menopausa é por meio de acompanhamento médico. A paciente deverá questionar o seu ginecologista sobre possíveis causas. Se o especialista suspeitar de que ela está na transição da menopausa, um exame de sangue poderá ser realizado para medir os níveis dos hormônios:

  • Hormônio folículo-estimulante (FSH) e estrogênio: na menopausa, os níveis de FSH aumentam, enquanto os do estrogênio diminui.
  • Hormônio estimulante da tireoide (TSH): o hipotireiodismo pode causar sintomas muito parecidos com os da menopausa.

O mais indicado é que a mulher realize consultas rotineiras ao ginecologista para verificar sempre sua saúde.

Gostou do nosso conteúdo? Então não deixe de ler a nossa matéria Saúde da Mulher: tudo começa com o autocuidado! 

Compartilhar