O que fazer nas férias? Veja 5 atividades divertidas para aproveitar bem o período

Compartilhe:

Na época de recesso escolar, muitos pais têm dificuldades em saber o que fazer nas férias de seus filhos. O desafio é procurar atividades que divirtam, e ao mesmo tempo sejam saudáveis e inteligentes para estimular o bom crescimento da criança.

Entendendo essa necessidade dos pais, nós, da Drogaria Santo Remédio, separamos 5 divertidas opções de atividades que poderão ser oferecidas aos filhos. Confira aqui!

1. Visitação em áreas verdes é uma opção de o que fazer nas férias

Visitação a áreas verdes é uma boa maneira de entreter e ainda pode ser bem econômica para os pais. É uma oportunidade de mostrar às crianças a importância de preservação do meio ambiente e estimular o contato com a natureza.

Os benefícios são muitos, estas atividades podem trazer melhorias nos aspectos físicos, na capacidade motora e até mesmo emocionais para as crianças.

Há alguns espaços ambientais que estão com programação especial para o período de férias nos estados do Amazonas, Pará e Roraima. Confira:

Em Manaus, Amazonas

  • Parque Estadual Sumaúma, localizado no bairro Cidade Nova, Zona Norte de Manaus;
  • Bosque da Ciência, no Petrópolis, Zona Sul;
  • Zoológico do Centro de Instrução de Guerra na Selva (Cigs), no São Jorge, Zona Oeste.

Em Belém – Pará

  • Mangal das Garças, localizado às margens do rio Guamá no bairro de Cidade Velha;
  • Bioparque Amazônia, fica a 20 Km do centro de Belém, no bairro do Tenonê;
  • Parque Estadual do Utinga, na extensão da avenida João Paulo II, no bairro Curió-Utinga.

Em Boa Vista – Roraima

  • Mantenedouro de Animais Silvestre do 7º Batalhão de Infantaria de Selva (7º BIS), mas conhecido como Mini Zoológico do 7º BIS, está localizado no bairro 13 de Setembro;
  • Parque Ecológico Bosque dos Papagaios, fica no bairro Paraviana.

2. Atividades artísticas para estimular a criatividade

Através das brincadeiras lúdicas a criança pode expressar sentimentos e fantasias do seu mundo interior, desenvolvendo assim, a criatividade e aprendendo a lidar com as suas emoções.

Que tal aprender algumas, para brincar com os seus filhos? Veja abaixo:

Pintura, desenho e colagem: utilize tinta, pincel, papéis, revistas usadas, cola, entre outros materiais. Explore junto com a criança temas interessantes do cotidiano ou imaginário e peça para que ela solte a imaginação, criando ou preenchendo figuras.

  • Modelagem com massinha: brincar com massas de modelar coloridas pode ser muito divertido. Ao amassar, amolecer, separar e remontar as peças, a criança presta atenção aos tamanhos e proporções, e isso, favorece a concentração e a criatividade;
  • Brincando de teatro: a brincadeira pode ser com fantoches feitos com meias velhas ou com papel, por exemplo. Caso a criança queira ser um personagem, vale a pena montar fantasias com roupas velhas e começar a criar divertidas histórias;
  • Criar o próprio brinquedo: vale usar material reciclado, tecidos e itens de corte e colagem para criar brinquedos diferentes e o que mais a imaginação permitir.

3. Atividades ao ar livre dão maior interação com o espaço natural

As brincadeiras dentro e fora de casa são muito importantes para o desenvolvimento da criança. No entanto, apenas o ambiente externo pode proporcionar a integração com o espaço natural.

O resultado desse processo é o desenvolvimento de habilidades como organização espacial e equilíbrio, definitivas para as outras competências motoras futuras da criança.

Uma ideia simples e muito divertida é resgatar brincadeiras mais tradicionais, que talvez os pais gostavam quando eram crianças e apresentá-las aos filhos. Brincadeiras como pipa, peteca, barra-bandeira, bola de gude, elástico, patinete, entre outras, são ótimas formas dos pais interagirem com seus filhos, contando histórias sobre a infância.

Você também pode conferir:

Descubra por que o uso do celular deve ser evitado pelas crianças
Como incentivar a prática de atividades físicas nas crianças
Segurança: 7 dicas para escolher brinquedo para crianças sem correr riscos

4. Atividades para aprender outra língua

O aprendizado pode ser estimulado sim, durante as férias do seu filho. Nada melhor, do que inserir na programação de férias, brincadeiras divertidas que desenvolvam intelectualmente a criança.

Quanto mais cedo os pequenos começam a aprender uma segunda língua, melhor. Aprender o vocabulário básico da língua inglesa por meio de jogos e atividades, por exemplo, pode ser um processo fácil e prazeroso, quando associado a brincadeiras e atividades educativas.

Veja algumas ideias de brincadeiras:

  • Alfabeto em inglês: a criança pode memorizar o som das letras e números apenas escutando músicas infantis em inglês, que estão disponíveis na TV ou internet;
  • Desenhos simples: desenhar animais ou frutas e pedir para a criança escrever o que é em inglês, por exemplo, é ótimo para o desenvolvimento do estudo;
  • Cores em inglês: brincadeira de desenhar e pintar, mas com foco nos nomes das cores em inglês. Deixar a criança colorir com suas cores preferidas e depois pedir para que ela escreva as cores em inglês ou falá-las em voz alta.

O fato é que quanto mais se pratica, mais irá ser gravado no cérebro da criança.

5. Passeios a novos lugares

Uma forma de proporcionar novos aprendizados e descobertas para as crianças é às levando a lugares novos. Um passeio pelo museu, monumento histórico ou mesmo uma visita a outros bairros da cidade, pode ampliar o conhecimento da criança sobre o local onde ela mora.

Além disso, a programação cultural também não pode faltar. Teatros, cinemas e parques, sempre têm opções para as crianças durante as férias, e é uma forma divertida e tranquila de lazer.

Confira algumas opções nos estados do Amazonas, Pará e Roraima:

Manaus, Amazonas

  • Parque Cidade da Criança, localizado na Av. André Araújo, bairro Aleixo;
  • Parque Senador Jefferson Péres, na Av. 7 de Setembro, no Centro de Manaus;
  • Parque dos Bilhares, está entre as avenidas Constantino Nery e Djalma Batista;
  • Museu da Amazônia, está dentro da reserva Florestal Adolpho Ducke, localizada na zona leste da capital amazonense.

Belém – Pará

  • Estação das Docas, às margens da Baia do Guajará, na Av Boulevard; Castilho;
  • Forte do Castelo do Senhor Santo Cristo do Presépio de Belém, localiza-se sobre a baía do Guajará, na ponta de Maúri à margem direita da foz do rio Guamá;
  • Parque da Residência, está na avenida Governador Magalhães Barata, no bairro São Brás.

Boa Vista – Roraima

  • Praças das águas, na Avenida Capitão Ene Garcez, no centro de Boa Vista;
  • Praça do Centro Cívico, ou Monumento do Garimpeiro, fica localizada na avenida Ene Garcez, Centro;
  • Orla Taumanan, na rua Floriano Peixoto, Centro.

Gostou do conteúdo? Agora que você já sabe o que fazer nas férias escolares de seu filho. Acesse também: Veja 5 brincadeiras que ajudam no desenvolvimento da criança.

Compartilhar